sexta-feira, 20 de maio de 2011

Colinenses nº 16 - Roça Chique - crônica do Emb. Renato Prado Guimarães



Roça Chique


Pois é... Primeiro ele terceirizou, depois ele contratou, reforçando a produção própria. Agora, até a loja/oficina ele reformou! Vejam só:






Pena é que eu não tenha foto de como era. Dava um belo contraste de antes e depois.

E mais. O Paçoca já está no Facebook, na Internet! Olhem:

 
Sapataria Fera


Além da renovação das instalações, o empresário Paçoca começou a diversificar suas linhas de produtos; os novos cintos, combinando com as botas, são muito atraentes. Sempre no estilocountry mais autêntico de nosso interior, genuíno nas origens regionais e refinado no acabamento, cosmopolita. Eu estou chamando essa moda de “roça chique”. As botas, eu já as calcei em finos salões europeus, sem qualquer constrangimento – ao contrário, com orgulho brasileiro, e colinense, renovado a cada elogio, coisa que não faltou, junto com a pergunta perene: Onde eu compro igual? 

O Paçoca precisa encomendar uns cartões de visita...

As Colinenses 1 e 4  registraram e encorajaram os avanços do Paçoca, sua Sapataria Fera cada vez mais feroz. Progresso merecido.

Parabéns – ao Paçoca e aos seus,  que parecem ter-se também engajado, firme, na empresa familiar. Não é mesmo, Régis? (por sinal, onde estão os print-outs emoldurados? Enriqueceriam muito a decoração da nova loja!)

Vou pensar em montar uma consultoria de marketing. Para produtos colinenses que o mereçam, claro...



SOBRE O AUTOR:

Renato Prado Guimarães nasceu em Colina, Estado de São Paulo.Começou a carreira profissional como jornalista, nas “Folhas” e no “O Estado de S. Paulo”; paralelamente, formou-se na Faculdade de Direito da USP, no Largo de São Francisco.Diplomata desde 1963, foi Secretário de Embaixada em Bruxelas e Bogotá, Chefe do Escritório Comercial do Brasil nos EUA, Cônsul Geral ad interim em Nova York, Ministro-Conselheiro na Embaixada em Washington e Encarregado de Negócios junto aos EUA, ad ínterim.Promovido aEmbaixador em 1987, exerceu aquela função na Venezuela, no Uruguai e na Austrália (cumulativamente, também na Nova Zelândia e em Papua-Nova Guiné). Foi igualmente Cônsul-Geral do Brasil em Frankfurt, na Alemanha, e em Tóquio, no Japão.No Brasil, foi Chefe da Divisão de Programas de Promoção Comercial, porta-voz do Itamaraty na gestão Olavo Setúbal e Chefe do Gabinete do Ministro Abreu Sodré; fora de Brasília, foi Chefe do Escritório do Ministério das Relações Exteriores em São Paulo – ERESP, que instalou.Aposentou-se em abril de 2.008. Reside atualmente em Colina, sua terra natal, interior de São Paulo, Brasil.
É o autor de “Crônicas do Inesperado”, lançado em outubro de 2.009.

Para contatos, usar o endereço de e-mail rpguimar@gmail.com


Aberto às suas opiniões, sugestões, etc...



para saber mais sobre o autor, por favor, acesse os links:






ou seu blog: