segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Paróquia São José de Colina


 


A paróquia de São José de Colina foi criada no dia 30 de julho de 1918, por D. José Marcondes Homem de Mello bispo de Jaboticabal. Colina pertencia naquela época à Paróquia do Divino Espírito Santo de Barretos, hoje Catedral do Divino Espírito Santo, e à diocese de São Carlos. O primeiro pároco de Colina foi o Pe José Rodrigues Caetano, nomeado no dia 22 de agosto de 1918 cuja posse foi nesse mesmo dia.

"Aqui temos uma curiosidade: possuímos o maior sino do interior do Estado de São Paulo, perdendo somente para os da Catedral da Sé e Mosteiro de São Bento da Capital. A bola do badalo pesa 35 kg". Desde a criação da paróquia já passaram por Colina 17 padres.


A Igreja atual começou a ser construída com o lançamento da pedra
fundamental em 25 de abril de 1920. Foi inaugurada em 
12 de outubro de 1924. O pároco atual, Pe. Santana, tomou posse em 
17 de novembro de 1982. Atualmente, Colina tem 
21 Comunidades Eclesiais de Base, cada uma com sua 
coordenação, catequese, celebração da Palavra uma vez
por semana e, uma vez por mês, celebração da Eucaristia.



interior da Igreja Matriz de São José













 A Igreja possui o maior sino do interior do Estado de São Paulo, menos apenas que os da Catedral da Sé e Mosteiro de São Bento da Capital. A bola do badalo pesa 35 kg.
Fotos de Renato Cândido Martins, publicadas no livro Crônicas da Cidade de Colina, de Nicola Gonçalves


 Pe.Jaime Garzaro, vigário de Colina de 1925 a 1932:
Pe. Jaime Gazaro, ladeado pelos seus paroquianos
Pe. Jaime Garzaro e sua governanta, Henriqueta

Cardeal Mota e Pe. Jaime
Monsenhor Jaime Garzaro, comemoração de seus 80 anos
Pe. Jaime Garzaro celebrou a missa de inauguração
da Igreja de N. S. da Conceição Aparecida, do Monte Belo
em dezembro de 1926
e assinou este batistério, em 1927:



à direita, Pe. Plácido, na cabeceira da mesa, D. José Varani, bispo da Diocese de Jaboticabal, à qual Colina pertencia à época
de pé, Bertília, que nos encantava a todos interpretando Maria Madalena nas procissões de Sexta-feira Santa




 1) Luiz Paulo Geraldo (Biala) / 2) José Maria (sobrinho do Pe. José Figuls) / 3) Maria Helena Geraldo (irmã do Biala) /
4) Jose Wilson Ribeiro

 1) Sueli Marin / 2) Elza Maria Látaro / 3) Izilda Marini
4) Marco Antonio Cabral Paro (Matonho) / 5) Luiz Antonio Zanete (Dinho) / 6) Antonio Eden Cabral Paro / 7) Norma Maciel
8) Maria Auxiliadora Paro / 9) Pe. José Figuls / 10) José Wilson Ribeiro / 11) Luis Paulo Geraldo (Biala) / 12) João Paulo Rezende, Quina / 13) José Maria Garriga Figuls (sobrinho do Pe. José, da Espanha)

 Igreja: 1) Antonio Eden Cabral Paro 2) Dinho Zanete / 3) Silvinha Malpelli / 4) Izilda Marini / 5) Maria Eulália / 6) Matonho 7) Biala
8) Izabel Muller
, Bel / 9) Zezé Paro (filha do Piquira) / 10) Elza Maria Látaro / 11) José Maria Garriga Figuls (sobrinho do Pe. José)
12) José Wilson Ribeiro
/ 13) Sueli Marin / 14) Norma Maciel
15) Maria Auxiliadora Paro
Coroação de Nossa Senhora, ensaiada por Hélia Marta Filomeno Ikuma, maio/1986
1) Luciana Jasques Neves  2) Ana Silvia Calin Sandrini  3) Dudu Minato  4) Adriana Boreli ... entre a 4 e a 5, de costas, a loirinha é Fernanda Peguim Azevedo  5) Gisele  6) Ana Lucia Scarmato
7) Cesar Scarmato  Marcinha, de costas, irmã da Marcele 
8) Fabiana da Silva  9) Fernanda Cotrim  10) Juliana do Marlus dentista  11) Clínica Dermato Funcional  12) Renata Sensato
13) Luciana Basso  14) Adriana Malpica  15) Lidiane Fiorezi Camargo
16) Juliana Lopes Filomeno  17) Fernanda Campase  18) Carolina Spechoto  19) Mari Ikuma Bianco  20) Cristiane Ferreira


 Cruzada, Casa Paroquial - 1960 ou 1961
Maria Crézia Paro de Oliveira enviou a foto e escreveu: foto antiga, de quando eu morava em Colina; muitos amigos inesquecíveis estão nelas:
1) Bete Girardi (Detinha) / 2) Rosicler Marin / 3) Silvia Malpelli / 4) Helia Marta Filomeno Ikuma, atrás dela, Marta Maciel (só aparece o rosto) / 5) Angela Girardi (in memoriam) / 6) Maria Eulália (Iaiá) / 7) Marisa Paro e, atrás dela, Zezé Paro (filhas do Piquira) / 8) Verinha Lima / 9) Maria Cecília Midori Ikuma
10) Isabel Brait / 11) Crézia Paro / 12) Marly Maciel
13) Regina Malpelli / 14) ? 15) Bete Malheiro/ atrás da Bete Malheiro, Dalva Paro / 16) Vera Abreu / 17) Neide Girardi
18) Cleide Pianta / 19) Elzinha Látaro / 20) Izildinha Marini
21) Dora Paro

 Cruzada Eucarística - 1961 ou 62 
meninas com idade entre 7 e 10 anos...
1) Sonia Malpica / 2) Marta Maciel / 3) Sonia Campase / 4) Izabel Brait / 5) Neide Silva / 6) Rosicler Marin / 7) Silvia Helena Malpelli
8) Cidinha Malpelli / 9) Izilda Marini / 10) Maria Eulália de Lima / 11) Angela Girardi / 12) Bernadete Girardi / 13) Lucinha Preguiça
14) Dalva Paro / 15) Maria Auxiliadora (Dora) Paro / 16) Tancini
17) Zezé Paro / 18) Izaura Milani / 19) Helia Marta Filomeno Ikuma
20) Nilda

 1) Cleusa Pianta / 2) Ana Maria Miranda / 3) Elza Maria Lataro
4) Nilda / 5) Bernadete (Detinha) Girardi / 6) Carmem Silvia Paro de Souza Carmem Leao / 7) Maria José Paro (Zezé)
8) Angela Girardi / 9) Vera Lucia Lima / 10) Dalva Paro Neme
11) Maria Auxiliadora Paro / 12) Isabel Brait / 13) Silvia Helena Malpelli / 14) Aurea Pescaroli /15) Maria Eulália Lima / 16) Hélia Marta Filomeno Ikuma / 17) Lourdes Tancini / 18) Maria Ap. Malpelli / 19) Aracy Rocha / 20) Izilda Marini / 21) / 22) Crezia Paro / 23) / 24) Regina Salvi / 25) / 26) Dora Fernandes, mulher do Saninho / 27) Maria Izabel (Bebel) - Izabel Muller / 28) Sonia Malpica / 29) Margarida Tancini / 30) / 31) Maria José Cunha / 32) Lucinha Preguiça / 33) Marta Maciel / 34) Padre José
35) Izaura Milani / 36) Neide Girardi / 37) Bete Malheiro / 38)
39) Sonia Campasse


 1) Raminha / 2) Eduardo Ribeiro / 3) Fernando (Pingo) Nogueira
4) Luiz Paulo Geraldo (Biala) / 5) Pedrinho Spechoto
6) José Marcos Filomeno / 7) Pá / 8) Chiquinho de Ávila (irmão do Panquinha)

 Curso de admissão ao ginásio - Lar Paroquial 1) / 2) Preto Pedro / 3) / 4) Isaias Nascimento Paro / 5) José Marcos Magione / 6) José Marcos Filomeno (?) / 7) / 8) Luiz Gandi Moreira / 9) Geraldo Basso (Cury) / 10) Cezão, irmão do Beto / 11) Tugão Paro / 12) Lua / 13) Adão Gomes / 14) Ademar Filomeno
15) Pe. José / 16) Araci Rocha, irmã da Zezé Rocha Nogueira
17) Sonia Marini / 18) Rebolo / 19) Marini / 20) / 21) Paulo Furini
22) / 23) / 24) Antonio Carlos Sanches Ricciardi
25) Wanderlei (Delei-Tifú) / 26) Marcos Marin / 27) / 28) Sidnei Marin / 29) / 30) / 31) irmão do Zachy (?) / 32) / 33) Prado (?)
34) / 35) Spechoto / 36) Felipe Dechen


 Maria Ap. Malpelli Piai, Silvia Helena Malpelli Gambarato,
Maria Eulália de Lima Poleto e Hélia Marta Filomeno Ikuma,

em passeio a Ribeirão Preto. 
Helia Marta Filomeno Ikuma escreveu: nesta época já trabalhávamos na Igreja. Nós 4 arrecadamos mais dinheiro para as Missões e ganhamos uma viagem para Jaboticabal e Ribeirão Preto.
Quem nos levou foi o Tio Zé Malpelli (de kombi) e o Pe Carol. Essa foto é no Bosque em Ribeirão Preto.





 
lembrança de Primeira Comunhão pra rapazes -
Illydio Lopes - 1929
lembrança de Primeira Comunhão para moças:
Gracinda Lopes - 1929

Lembrança de Primeira Comunhão
Marly Corrêa Palomino - 1949

Lembrança de Batismo: Norma Sueli Stramasso - 1956






Matriz São José de Colina. A foto é provavelmente do Studio Froner -  foto cedida por Nestor de Oliveira (pai)
Congregação Mariana de Colina SP - 1947

(1) Nestor de Oliveira - (2) Marcelo Polizelli - (3) Joanim Basso - (4) Antonio Basso - (5) José Jardini - (7) Romano Girardi - (8) Marqueti Girardi - (9) Joaquim Baiano - (10) Domingos Girardi - (11) Nenê Brait - (12) José Staliano - (13) Avelino Sperque - (14) Antonio Marini - (15) José Mamprim - (16) José Scarmato - (18) Jacinto Pascão - (19) Antonio Paro Filho - (21) João Paro - (22) Benedito Mendonça - (23) Sebastião Antunes de Oliveira - (24) Augusto Arduino - (25) Joaquim Menezes Filho - (26) Moacir Menão - (27) Diogo Garcia - (28) Argemiro da Silva - (30) Sebastião José dos Santos - (31) Magrório Giardi - (32) Arlindo Basso - (33) Hermínio Basso - (34) Santim Girardi - (35) João Nunes Fernandes - (36) Atilio Gardini - (37) José Maciel - (38) Padre Amaro Muniz -39) Emílio Girardi - (40) Felício Látaro - (41) Antonio Areias - (42) Geraldo Torquato - (43) João Furini - (44) Geraldo Basso -

((6) – (17) – (20) – (29) – não identificados




Homenagem à Paróquia de São José
 de Colina SP

Em 1998 na festa dos 80 anos da paróquia o padre Santana pediu aos paroquianos que escrevessem sobre a história da paróquia e da igreja, assim meu tio João Pires de Oliveira Franco (paroquiano) pediu-nos que escrevêssemos algo sobre, com as dicas de meu pai. Fiz um artigo e enviei para ele que, no dia festivo, foi lido juntamente com outros artigos semelhantes, no palco montado na praça, em frente à Igreja.

Foi escrito a mão e mandei pro meu tio, não fiz cópia. Quando, em 2003, imprimi um dos meus livro de poesias, fiz então uma homenagem em poesia:





Na festividade de seu octogésimo aniversário
30/07/1918 - 30/07/1998

Nestor de Oliveira Filho

O ano de um mil novecentos e dezoito,
Foi um ano muito feliz.
Naquele ano nasceu o meu pai
E também a Paróquia desta Matriz.
Meu pai nesta igreja se casou,
E de Maria foi congregado.
Nessa igreja ele sacramentou
Sete filhos com o batizado.

São José é o padroeiro 
Desta paróquia, tão querida.
Pai adotivo do Filho de Deus
E esposo da Santa Mãe querida.
Patrono, santo, puro e exemplar,
Igual o branco lírio foi seu amor.
Protetor dos pais e da família
E é exemplo para o trabalhador.

Em mil novecentos e quarenta e seis,
Neste altar eu fui batizado.
E no ano seguinte, aqui mesmo,
Ungido, na Crisma fui confirmado.
Foi nesta paróquia que em mim,
Plantaram a semente de cristão.
Papai, mamãe e Antônio Paro
Quem me ensinaram a religião.

Oitenta anos se passaram,
E este sino sempre a tocar.
Foram muitos momentos de felicidades,
Também, muitas vezes apreensões.
Muitos padres aqui passaram, freiras, missionários,
Todos souberam cativar os corações.
O tempo sempre traz mudanças, 
Mas esta igreja segue fiel em suas missões,
Sempre acolhendo e chamando
Os teus filhos para as orações.

Nestor de Oliveira Filho



Pe. Santana, do site da Paróquia de Colina

 Padre Santana: desde 17/11/1982
Nasci aos 14 de outubro de 1953, no município de Altair. Meus pais, O Senhor Naur Alves Santana e minha mãe, a Senhora Aparecida Rosa Alves Santana. Faço parte de uma família de três irmãos, da qual sou o mais velho. Foi batizado e crismado em Guaraci, em 25 de dezembro de 1953 e em 22 de maio de 1954. São meus irmãos: Carlos Alberto Alves Santana e Silvia Lucia Alves Santana".
Cursou o primário em Altair (1961/1965). Fez os cursos ginasial e colegial em Jaboticabal (1967/1973). Ingressou no Seminário Diocesano de Jaboticabal, e fez o Curso de Filosofia em São Carlos (1974/1976). Cursou a Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção e em São Paulo (1977/1980). Recebeu os primeiros ministérios em 26/51981 e foi ordenado Diácono em 26 de julho de 1981 na Paróquia de Bom Jesus, em Barretos, por D. Antonio Maria Mucciolo, e a 26 de setembro de 1981, ainda por Dom Antonio Maria Mucciolo, fui Sacerdote, na Catedral do Divino Espírito Santo, em Barretos.

 Diácono Luiz Paulo Soares
Paróquia: CATEDRAL DO DIVINO ESPÍRITO SANTO-BARRETOS
Data de Nascimento: 13/12/1984
Data de Ordenação: 27/05/2011
DE COLINA E ORDENADO DIÁCONO EM COLINA
VAI SE ORDENAR DIA 13 DE DEZEMBRO DE 2011

Colinense é o mais novo padre da Diocese de Barretos“Tornar-me padre foi o momento mais especial da minha vida”, diz Luiz Paulo

O colinense Luiz Paulo Soares, 27 anos, é o mais novo padre da Diocese de Barretos. Ele foi ordenado presbítero na terça-feira, dia 13, no Ginásio de Esportes. A missa, iniciada às 19h30, teve duas horas de duração.
A imposição das mãos pelo bispo diocesano D. Edmilson Amador Caetano foi o momento mais importante da ordenação. “Com as mãos ungidas, o Bispo fez a oração consecratória. Neste exato instante me tornei padre. Esse foi o momento mais importante de minha vida é não para descrever em palavras a emoção que senti”, contou.
A missa eucarística, com os ritos da ordenação, foi celebrada pelo bispo e concelebrada pelos padres da diocese barretense e também das dioceses de Rio Preto, Jales, São João da Boa Vista e Catanduva. Os 13 municípios da Diocese de Barretos, que tem 23 paróquias, estavam representados no evento.
Agora, com Luiz Paulo, Colina já tem 3 padres; Carlos Barbosa (1989) e Thiago Fachini (2010). Jaborandi possui um padre, Túlio Gambarato ordenado em 2010.
“Agradeço à minha família pelo amor e carinho, ao povo colinense que me acompanhou até aqui, ao Padre Santana pelo apoio e incentivo e a todos que estiveram ao meu lado durante todos esses anos. Vou trabalhar na edificação do reino de Deus na paróquia que me foi confiada pelo bispo”, declarou Luiz Paulo que exerce a função de vigário na Catedral de Barretos até o próximo dia 30, quando acontece a missa em que D. Edmilson lhe dará posse como pároco da Paróquia Santa Ana e São Joaquim, em Barretos. Neste sábado, dia 17, na igreja matriz de São José, Luiz Paulo celebra a primeira missa como padre. No mês de janeiro, de 2 a 14, realiza curso de doutrina social da igreja em Taubaté. de O Colinense




 Pe. Thiago Aparecido Faccini Paro - vigário paroquial
Paróquia: Bom Jesus - Barretos
Data de Nascimento: 20/06/1984
Data de Ordenação: 05/11/2010
DE COLINA E ORDENADO EM COLINA

 Pe. Carlos Barbosa - pároco
Paróquia: Bom Jesus - Barretos
Data de Nascimento: 26/04/1961
Data de Ordenação: 12/12/1989
DE COLINA E ORDENADO EM COLINA

 Pe. José Figuls
Sobre o Pe. José acesse este link do blog do Nestor de Oliveira Fº:
http://blognestorof-colinasp.blogspot.com.br/2012/08/padre-jose-figuls-y-bonvehi.html
 60 anos de sacerdócio do Pe. José Figuls


Frei Donato de Colina (Natal Bozza) nasceu no dia de Natal, 25 de dezembro de 1919. Era filho de Eugênio Bozza e Maria Pelizari. Batizado aos 2 de janeiro de 1920, em Colina, São Paulo, diocese de Jaboticabal.
Faleceu aos 14 de fevereiro de 1958, em Mococa, vitimado pela explosão de uma bomba caseira que estava fabricando. Sempre em atividades, Frei Donato percorria as fazendas e sítios em Mococa, esmolando para o Seminário Seráfico (Colegial) que ali se instalara desde 1955. (R. V. julho 1958, p. 24). AONC, 74, 98. Uma rua em Leme (SP) traz o nome de Frei Donato.
http://www.procasp.org.br/textos.php?id_texto=263

Jornal A Voz da Paróquia:




 












Missa da Saúde - Frei Rinaldo Stecanela - novembro 2010: Muita emoção!!!















Ainda sobre a Paróquia - clique no link: 
Pe. Jayme Garzaro - Vigário de Colina de 1925 a 1932


Esta postagem tem a colaboração de Nestor de Oliveira F° e fotos de: Valdemar Vello, João Staliano, Silvania Peguim e Antonio Sérgio Torquato.

do livro Crônicas da Cidade de Colina, de Nicola Gonçalves

do jornal O Colinense

do site da Paróquia São José: http://www.paroquiacolina.com/index.php

do blog Colina Cidade Carinho, de Vagner Meira Cotrim

 e do Flickr do Frei Rinaldo Stecanela: