quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

ETAM São Francisco de Assis (Marcela Jorge Drubi)

Escola Técnica Agropecuária Municipal
"São Francisco de Assis"
blog da Escola: http://escolaagricolacolina.blogspot.com/

Em 12 de setembro de 1988, em Assembléia Geral realizada na Câmara Municipal de Colina, foi fundada a entidade denominada Associação Municipal de Ensino de Colina (AMEC) na administração Assad Antônio Daher (To) .
Em 08 de março de 1989 aconteceu a primeira aula com duas turmas de 5ª séries e 60 alunos.
O nome do patrono da escola, São Francisco de Assis, foi escolhido em homenagem ao patrono da Ecologia, homem que viveu sua existência irmanado com as criaturas.
Em 04 de janeiro de 1994 foi autorizado o funcionamento do Ensino Médio e do Curso Técnico em Agropecuária e em 22 de dezembro de 1995 era diplomada a 1ª Turma de Formandos do Curso de Habilitação Profissional de Técnico em Agropecuária com 16 alunos.
Em 09 de fevereiro de 1998 foi extinta a AMEC e a escola passou a chamar-se “ESCOLA TÉCNICA AGROPECUÁRIA MUNICIPAL SÃO FRANCISCO DE ASSIS”. Além das disciplinas pedagógicas como Matemática, Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Espanhol, Biologia, Ciências, História, Geografia, Arte,Química, Física e Educação Física, os alunos aprendem as Práticas Agrícolas, Práticas Zootécnicas, Práticas Industrias, Mecanização, Irrigação e drenagem e Topografia. Por isso, a Escola conta com um corpo docente variado e diferenciado composto por Agrônomos,Veterinários e Zootecnistas.


Slideshow de autoria da Marcela Jorge Drubi: fotos do meu arquivo pessoal desde 1999 de aulas de campo de Práticas Zootécnicas, visitas ao Rancho do Peãozinho, Agrishow, Expozebu, Planetário e I Exposição de P.Z., bons momentos...












 Marcela Jorge Drubi Professora de Práticas Zootécnicas · Agosto de 1997 até agora
Médica Veterinária, Especialista em Saúde Pública, palestrante e Professora. Habilitação Plena em Biologia. Adoro estudar, viajar, ler e escrever. Sou uma mulher corintiana, eclética e idealista.
Marcela mantém um blog:
http://drubivet.blogspot.com/ onde escreve sobre suas experiências e divulga seu trabalho na ETAM.




 Bolsistas com familiares, vice Ronaldo, secretária Bete e prefeito Mi  Mais 8 alunos da ETAM ganham bolsa de estudo na Unifeb
  Mais 8 formandos da ETAM “São Francisco de Assis” terão a oportunidade de dar sequência aos estudos este ano como alunos dos cursos de Agronomia e Zootecnia na Unifeb Barretos.
...
Os alunos foram contemplados com bolsas de estudo integrais do Convênio de Cooperação Técnico Pedagógica firmado entre a Prefeitura e a instituição barretense.
O anúncio dos novos bolsistas foi feito em reunião realizada no mês de dezembro, com a participação do prefeito Mi, vice Ronaldo, secretária Bete Neme, diretora Mariângela Capucci, alunos e familiares. 
“Os critérios utilizados para a seleção dos contemplados privilegiou não só notas e comportamento, mas também as condições sócio-econômicas das famílias e a vocação de cada um”, explicou a secretária Bete. A bolsa representa um investimento significativo já que o custo de cada curso gira em torno de R$ 800,00/mês.
“A conquista da bolsa de estudo é fruto da dedicação e desempenho dos alunos, mas também da educação e estímulo oferecido pelos pais”, disse o vice Ronaldo Daher.
O prefeito Mi destacou que “os bolsistas devem valorizar esse prêmio fazendo a diferença, conquistando espaços e destacando-se na vida acadêmica. Cursar uma universidade gratuitamente é uma oportunidade única que deve ser encarada com responsabilidade”.
Os bolsistas de Agronomia são Paloma Helena da Silva Libório, Nathália Paro Muniz, Lays Drubi Brait e Gabriel de Paula Batista. Zootecnia: Débora Stefany Fernandes, Heloísa Aparecida dos Santos Maia, Nadime Alves Machado de Souza Lima e Augusto Pereira da Silva.
Samyra Drubi Brait, mãe da aluna Lays, agradeceu em nome das famílias. “Graças a esse convênio estamos realizando o sonho de ver nossos filhos frequentando um curso superior. O coração está aliviado porque custear os estudos seria bastante difícil para todos”.
O convênio de cooperação entre o município e a Unifeb existe desde 2006 e 40 alunos da Escola Agropecuária já foram beneficiados. Deste total, 8 se formaram, uma desistiu em razão de problemas pessoais e um, infelizmente, faleceu recentemente.
  Postado em 28/01/2012 - O Colinense


















































































com colaboração do Vagner Meira Cotrim e
reportagem dO Colinense


Mais fotos da ETAM 2012 - por Renata Paro