sábado, 23 de fevereiro de 2013

Parque Débora Paro / Buracão




Muito se conta sobre o famoso Buracão, os mais velhos então, cada um possui uma história do famoso buraco que engoliria a cidade de Colina. Foi no Vale do Buracão que foi construída a casa de José Fabri, a primeira casa de Colina. Neste local estão as nascentes do lago do Parque Débora Paro. O Buracão tornou-se uma ameaça à população da época, devorando as residências do povoado, consequências do desmatamento, causando esta terrível erosão. Coube ao construtor e mestre de obras Angelo Martins Tristão , a missão de acabar com o buracão e acalmar a população (do livro Colina Capital Nacional do Cavalo, de Syria Drubi)

Angelo Martins Tristão, construtor oficial das obra públicas foi responsável pelas obras que deram fim ao Buracão, drenando nascentes e conduzindo os mananciais em galerias de aproximadamente 200 m . A obra foi concluída em 1956 e na administração Tô novas galerias foram construídas e foi projetada e iniciada a obra do Parque Débora Paro.
Trabalhou ainda na construção civil em Colina, na edificação de diversas moradias da época, inclusive o prédio do Grêmio Cultural de Colina.


já nos anos 30, o Buracão começava a mostrar suas garras

em 1942, chegou até a Rua 13 de maio, depois de uma tempestade que arrastou casas

Buracão (Acervo Museu Municipal de Colina)

No governo Tô, foram construídas três galerias acabando de vez com a ameaça de ressurgimento do Buracão. 



Também no governo Tô foi projetada e iniciada a obra do que seria o "O Parque Débora Paro": uma linda maquete circulou por bancos e estabelecimentos de Colina, mas isso é uma outra estória. O Parque Débora Paro está em obras até os dias de hoje, com a construção de um Teatro, mas devemos ficar atentos porque nunca se sabe... se não cuidarmos o buracão poderá ressurgir e engolir a cidade toda (rs) (Vagner Meira Cotrim)



Buracão, na foto: Aparecida Rodrigues, Amália Silva Albregardi e Giacomo Borella ("Lello") Meados de 1.940
Doação foto: Giacomo Borella
(Acervo Museu Municipal de Colina)
Buracão: da esquerda pra direita:
Catarina Scarmato Buzulini, Aparecida Rodrigues e Amália Silva Albregardi. Meados de 1.940
Doação Foto: Giacomo Borella (Lello)
(Acervo Museu Municipal de Colina)

uma ponte foi construída sobre o Buracão,
conhecida como Ponte Seca
foto de Renato Cândido Martins, publicada no livro Crônicas da Cidade de Colina, de Nicola Gonçalves

 Odite Sandrini e os filhos do João Ademar Paro na época da construção da ponte




A PONTE FICA NA RUA LUIZ CAMARGO A UM QUARTEIRÃO DA AVENIDA DR MANOEL PALOMINO FERNANDES E AO LADO DA RUA ANTONIO GUARNIERI. FOI CONSTRUÍDA NO MANDATO DO JOÃO ADEMAR PARO. É CONHECIDA COMO PONTE SECA (Hélia Marta Filomeno Ikuma)



a Ponte Seca hoje

ao fundo, a Ponte Seca


o Parque Débora Paro durante sua construção, anos 80


torneio de pesca no lago do Parque
foto de Renato Cândido Martins, publicada no livro Crônicas da Cidade de Colina, de Nicola Gonçalves

O Parque visto do alto


 do alto do Prédio, por Renata Paro
 fotos aéreas, por Foto Imagem 


Imagem do Google Earth

o Lago do Parque por vários fotógrafos:






  

  




  

   

 Fabricio Ivanoff















Outros aspectos do Parque














  
 Leandro Rosa





O parque ao por do sol e à noite:

O Colinense



  
 Leandro Rosa






  
   

 Foto Imagem Colina






O Parque pelo olhar de Mari Ikuma Bianco:




A NATUREZA ME INSPIRA E ME TRAZ PAZ INTERIOR

UM ESPETÁCULO À PARTE

E diga o verde-louro desta flâmula 
Paz no futuro e glória no passado

tarde no lago em COLINA SP



O Parque como palco de diferentes atividades

Isabela Savanhaque: Intervenção Urbana com lixo recolhido no local, pelo Prof. Roger Araujo e seus alunos

1º Encontro de carros antigos no Parque (julho/2012)


Esta postagem conta com a parceria do Blog Colina Cidade Carinho
de Vagner Meira Cotrim: http://colinasp.blogspot.com/
com fotos de Odite Sandrini, Vanilde Cotrim Alonso, Antonio Sérgio Torquato, Marlei Paro, Renata Paro, Mari Ikuma Bianco, Leandro Rosa, Waldeck Schutzer, Cleverton Espanhol, Caroline Sabino, Fabricio Ivanoff, Marcela Jorge Drubi, Isabela Savanhaque, José Mario Tonus, Brooks Borges, Studio Mix Mazzim, Foto Imagem Colina, dO Colinense e do livro Crônicas da Cidade de Colina, de Nicola Gonçalves

clip do Parque Débora Paro, de autoria de José Mario Tonus











2007

publicado originalmente em 21/fevereiro/2012