terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Fazenda Gurita (Parão)

Fazenda Gurita - casa onde nasceu Ernesto Henrique Paro








2003 - Gurita - entrada do sítio que pertenceu a
Ernesto Paro




Antonio Sérgio Torquato



Nesta casa moraram a Tia Ana e o Tio Neco .. muito diferente, tantas mudanças....é uma pena... (Marilena Paro)






Marilena Paro escreveu: Esse quadro do carrinho de leite eu costumo dizer que é meu irmão Laerte Paro na estradinha do Sitio dele... rsrsrs
Marilena Paro escreveu: quadros pintados por uma grande amiga e excelente pintora... Marystella Lemos, de SP
Espero que vocês admirem as minhas obras de arte.. que para muitos não têm valor nenhum, mas pra mim... é uma vida.. uma infância, puras lembranças..
Marilena Paro escreveu: quadros pintados por uma grande amiga e excelente pintora... Marystella Lemos, de SP
 

quadros pintados por uma grande amiga e excelente
pintora... Marystella Lemos, de SP
Marilena Paro escreveu: estou super emocionada escrevendo isso. Sei que, para muitos, é uma bobagem. Imagina esse amor por uma coisa tão velha e tão distante. Amo aquele pedacinho de chão e penso que um dia ainda vou comprar tudo aquilo e fazer um hotel fazenda (rsrsrs)...
Marilena escreveu: sempre que nós íamos pra Colina tinha que dar uma passadinha lá na Gurita pra ver o que restava da casinha... Quando um dia, muito triste, minha sobrinha Rosane Paro, casada com o Elpidio Poliseli (Pidão) me liga e diz que o Sr Roberto tinha demolido a casinha... Chorei tanto, mas tanto que vocês não podem imaginar... aí, ela me disse que havia pego 3 telhas e 3 tijolos e um ped...aço da chaminé pra nós (eu, Marlei e Mariza) guardarmos de lembrança... Quando peguei as telhas tive essa idéia de  mandar pintar a casinha nela... Bem, a telha tá aí, pintada e muito admirada por todos que vêm me visitar (rsrsrs), já os tijolos e o pedaço da chaminé estão guardados. Da chaminé fiz um suporte de vaso e plantei flores de maio nela e todo ano dá tantas flores... fica lindo... os tijolos ainda não sei... bem é isso...


Córrego da Gurita - a ponte dos tempos das Sorellas era de madeira rsrsrs. Tinha ficado na dúvida se era um mata burro. Por onde cruzavam os animais? Passavam pela água? não me lembro. Tem uma outra ponte a da estrada de ferro lá o corrego era cheio de pedregulhos e a água muito cristalina. No ano passado pretendia ir caminhado pelos trilhos para fotografar o local mas minha esposa estava com pressa e adiei a foto. (Antonio Sérgio Torquato)
Renata Paro Infelizmente... deixaram o mato tomar conta. Não tem mais essa passagem do córrego.








Renata Paro fotografou e escreveu: nesta casa morou meu avô Henrique, mas está totalmente diferente... Nem parece mais o mesmo sítio, mas fazer o quê, né?!!!!


Renata Paro fotografou em agosto/2011


Marilena Paro Gente isso é aquela maquina de moer cana e fazer garapa?? Mamma mia ainda existe isso...rsrsrs muito bom amei..



 Ramificação do núcleo Paro da família de Marco Paro e Madalena Marin
Ernesto Paro
João Batista Paro
Amália Paro
Ao todo eram em 15 irmãos
Esses são os da família dos Parão da Gurita

Henrique Ernesto Paro
Antonio Sergio Torquato Acho que é no sítio da Gurita vejo pela cerca. Os marmanjos estavam curtindo a vida e a Nona dando duro no trabalho e caiu na foto rsrsrsrsrsr. É o que acho.



Renata Webber ahahahaahha me racho com esses comentarios.... minha terapia da noite.... estar aqui agora... coitada da nona devia estar na roça no batente... ou lavando as roupas dessa molecada ai..rsss porque todos braquinhos... só ela sujinha.rss

família Ernesto Paro
sentados: Ernesto (Neco), Modesto e Atílio
no centro: Mario, Henrique, Luiz (Tino), Ernesto Paro (de bigode, o Nonno), Santo (Nika), José (Pepe, de boné), João, Pedro (com as flores), o ferreiro da fazenda com o Tunin no colo.
as mulheres: Dasolina (Mulata, Adelina, Amábila (Bila), Maria Cola, esposa do Bepe, Emília Marin Paro (Nonna), Dirce (no colo, primeira neta), Luíza, Helena e Maria

Luciana Alexandre escreveu: meus avos ,Adelina e Osvaldo
Filhos: Cecília, Odete, Tereza, Batata, Tio Tito e minha mãe, a caçula, Helena...

Marilena Paro Claro que são tio Tunim (Antonio Paro) tia Maria e o seu papi Antonio Carlos... agora estou chutando viu Camila Paro kkkk e o motorista sei não..rsrsrs muito chik..
Marilena Paro Tia Genoveva e tio Henrique Paro
fotos de Marilena Paro, Renata Paro e Antonio Sérgio Torquato e do site:
Livro Família Paro: